Publicidade
Rádio Kairos - A rádio da família
    Frio aumenta chances de lesões musculares. Saiba como evitar!

    Frio aumenta chances de lesões musculares. Saiba como evitar!

    Aquecimento e alongamento ajudam a evitar as lesões.

    Quando as temperaturas caem, as chances de lesões musculares aumentam. Principalmente para os chamados “atletas de final de semana”, que, em geral, não têm o hábito de se aquecer antes dos exercícios. Apesar disso, a chegada do inverno não deve servir como desculpa para cair no sedentarismo, pois bastam alguns minutos de aquecimento adequado para tornar a malhação ou o esporte mais seguro.

    O fisioterapeuta Marcelo Almeida explica que os músculos só podem apresentar um bom desempenho nas atividades – afastando, assim, as chances de lesões e distensões – quando a circulação sanguínea está altamente ativada.

    “Quando o corpo está em repouso, a circulação do sangue nos músculos é baixa, mas quando nos exercitamos, ela chega a quase 90% da capacidade, o que deixa os músculos prontos para as atividades. Não são apenas exercícios com carga que exigem aquecimento prévio, como musculação e crossfit, mas também diversas outras atividades físicas, como natação, corrida e esportes em grupo, seja quando são praticados apenas aos finais de semana ou regularmente”, observa.

    Marcelo defende que o aquecimento deve durar cerca de 20 minutos e conter atividades aeróbicas, como corrida com alternância de velocidade, associadas a exercícios específicos para a prevenção de lesões, como os chamados exercícios de ponte e suas variações.

    “Atletas precisam de aquecimento mais elaborado, supervisionado pelos treinadores”, observa.

    Ele ressalta que aquecimento é diferente de alongamento. “Alongamento também é importante, para dar mais flexibilidade, e deve ser praticado ao longo dos dias, pois é benéfico para os músculos no geral. Porém, não necessariamente reduz os riscos de lesões. Nos estudos ainda há controvérsia sobre o tema. O que conta é o aquecimento”, alerta.

    A fisioterapeuta Lorena Vianna destaca que a pressa na hora do aquecimento, aliada às temperaturas mais baixas, pode aumentar a probabilidade de lesões. “Isso acontece principalmente com quem se exercita na parte da manhã e não tem muito tempo antes de iniciar as obrigações do dia-a-dia, e então acaba fazendo tudo correndo”, comenta. Ela lembra que, entre os músculos mais atingidos por lesões facilitadas no inverno, estão os posteriores da coxa e da panturrilha, além da virilha, no caso do futebol.

    Lorena ressalta que é importante realizar corretamente o aquecimento, não apenas para prevenção das lesões e as consequentes dores, mas também porque elas podem impossibilitar a prática de exercícios até que os músculos se recuperem. “Quando uma pessoa interrompe os exercícios, ela tende a perder parte dos benefícios que vinha conquistando com a prática esportiva, seja quanto ao condicionamento físico, à perda de peso ou ao ganho de massa muscular”, recorda.

    Confira dicas para evitar e tratar lesões musculares:

    – Faça sempre aquecimento – de 15 a 20 minutos de caminhada, corrida, bicicleta ou pular corda – antes de praticar atividades físicas. O aquecimento melhora a velocidade e a força da contração muscular e a velocidade da transmissão nervosa.

    – O aquecimento não precisa ser “moleza” sempre. Faça com que ele, gradativamente, tenha grau de dificuldade cada vez maior.

    – Não importa a atividade praticada, invista em musculação. Ela torna os músculos mais fortes e, portanto, menos propensos a lesões.

    – Utilize sempre o calçado adequado para o exercício que vai praticar e preste atenção quanto a eventuais desgastes. Tênis gastos devem ser descartados.

    – Não descuide da ingestão de água e da alimentação (as proteínas ajudam na regeneração muscular).

    – Os músculos precisam de tempo de recuperação entre uma sessão e outra de atividade – em geral, 24 horas. O período de descanso deve ser respeitado. Não é preciso chegar à exaustão para fazer o treino valer a pena. O corpo precisa de descanso e o overtraining é prejudicial, causando lesões, afetando o rendimento e até baixando a imunidade.

    – Está lesionado? Busque a ajuda de um fisioterapeuta.

    – Acupuntura e eletroacupuntura e aplicação de ventosas são de grande eficácia no combate à dor das lesões e na recuperação muscular.

    Fonte: https://www.folhavitoria.com.br/saude/noticia/07/2019/frio-aumenta-chances-de-lesoes-musculares-saiba-como-evitar

    Da Redação Multimídia
    Departamento de Jornalismo (com informações: Folha Vitória)
    Kairós FM