Notícias

Nível baixo do Rio Doce dificulta captação de água em Colatina, ES

O nível baixo de água do Rio Doce está dificultando a captação de água em Colatina, na região Noroeste do Espírito Santo. Muitos pontos estão com bancos de areia e as bombas de captação têm sido trocadas de lugar com frequência.

O coordenador da estação de tratamento de água, Odimar Ferraz Viana, explicou que as mudanças de localização das bombas de captação garantem que a água chegue até as estações de tratamento.

“À proporção que a bomba vai puxando a água, ela vai puxando a areia junto, aterra o poço e com isso você tem que fazer a limpeza do poço aonde essas bombas estão para não levar para o outro poço, que leva para a estação de tratamento de água”, disse.

 

 

Máquinas fazem trabalho para garantir captação de água no Rio Doce, em Colatina (Foto: Reprodução/ TV Gazeta)

Máquinas fazem trabalho para garantir captação de água no Rio Doce, em Colatina (Foto: Reprodução/ TV Gazeta)

 

 

As máquinas dentro do rio auxiliam o trabalho e retiram a areia que acaba acumulando próximo às bombas e impedem a captação de água. Apesar da situação crítica, Odimar disse que a população não corre risco de ficar sem água.

“Antes de chegar risco para a população, eu pego e executo o serviço para não ter risco de desabastecimento”, completou.

Em alguns trechos do Rio Doce é possível ver pessoas caminhando com facilidade nos bancos de areia. O rio está abaixo da marcação da régua no centro da cidade e parte da estrutura da ponte Florentino Avidos não tem mais água.

 

 

Trecho da ponte Florentino Avidos nem encosta na água em Colatina (Foto: Reprodução/ TV Gazeta)

Trecho da ponte Florentino Avidos nem encosta na água em Colatina (Foto: Reprodução/ TV Gazeta)

 

 

O volume considerado normal é de 300 metros cúbicos, mas já caiu pela metade. Os afluentes do rio também estão secos. No Rio Santa Maria, por exemplo, só corre esgoto.

Os moradores ficam preocupados com o que veem. A aposentada Glória Corteletti disse nunca tinha visto o rio nessa situação.

“Quem tem propriedade cercar as nascentes, para poder cuidar, porque vai chegar uma hora que a gente não vai ter água nem para beber”, afirmou.

 

 

Fonte: g1.globo.com/espirito-santo

 

Da Redação Multimídia
Departamento de Jornalismo (com informações: )
Kairós FM

 voltar  |  topo  |  imprimir

 
Ao vivo Boa Tarde kairós edição especial de Sábado com Rosy Oliveira das 14:00 às 17:00
  • 1 . Gusttavo Lima - Apelido Carinhoso
  • 2 . Jorge e Matheus - Contrato
  • 3 . Thiago Brava - Dona Maria
  • 4 . Thiaguinho - Só Vem
  • 5 . Matheus e Kauan - Tô Com Moral No Céu
 

De onde você ouve a rádio Kairós?

Resultado Parcial