Notícias

Doadores ajudam a manter estoques dos bancos de sangue.

Após uma doação de sangue, o organismo leva um tempo para repor os componentes do sangue e recuperar o volume doado. É por isso que homens e mulheres devem respeitar o intervalo mínimo de dois meses e três meses, respectivamente, entre uma doação e outra. Assim, quem doar sangue neste mês de outubro, por exemplo, poderá fazer outra doação somente em janeiro ou fevereiro do ano que vem. Daí a importância de haver mais pessoas doando sangue regularmente.

Ontem (06), Renata Gomes Moura esteve no Hemoes (Hemocentro do Estado do Espírito Santo) de Vitória pela segunda vez para doar sangue. A primeira doação, há quatro meses, aconteceu por curiosidade. Ela sempre passava perto da unidade quando levava o pai ao hospital localizado ao lado e resolveu conhecer o Hemocentro. “Tirei um tempo do meu dia e resolvi vir doar pela primeira vez. Vi muitas pessoas precisando de sangue enquanto levei meu pai ao médico, por isso achei importante fazer a doação”, comentou.

Agora, Renata quer tornar a doação de sangue um hábito, obedecendo ao intervalo de três meses entre uma doação e outra. “Vou esperar o intervalo e voltarei. Essa atitude produz um sentimento de solidariedade e uma sensação de bênção por saber que estou saudável para ajudar outras pessoas”, relatou a voluntária.

 O coordenador geral do Hemoes, Clio Venturim, reforça que todos os tipos de sangue são necessários, mas o mais importante é o ‘O negativo’, que é o tipo doador universal, ou seja, pode ser transfundido em pessoas que tenham qualquer outro tipo de sangue. Em seguida estão os tipos ‘O positivo’ e o ‘A positivo’, justamente por serem os mais comuns entre as pessoas, portanto, bastante demandados.

 

Estoque

 
Clio Venturim lembra que, com a chegada do fim do ano, e próximo de feriados prolongados – Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro) e Finados (02 de novembro) –, é importante manter o estoque dos bancos de sangue em um nível seguro, capaz de atender bem a população mesmo em períodos mais críticos. Tanto na unidade do Hemoes em Vitória quanto nos hemonúcleos regionais, o número de doadores tem ficado abaixo do necessário.

A unidade de Vitória precisa de uma média de 100 doações por dia, mas tem registrado em torno de 84; na Serra, o ideal é ter 40 doações por dia, mas a unidade de coleta tem recebido uma média de 16. Já em Linhares, o hemonúcleo tem capacidade para receber 50 doações por dia, mas tem recebido uma média de 14; em São Mateus, o ideal é ter 40 doações por dia, mas a unidade tem recebido em torno de 22.

O hemonúcleo de Colatina, que tem recebido uma média de 30 doações por dia, está conseguindo suprir a demanda dos serviços de saúde estaduais da região, mas o responsável pela unidade, José Carlos Tosato Júnior, salienta que a necessidade de sangue pode aumentar a qualquer momento, por isso é importante que o número de doadores não diminua.

 

Feriado

 
No feriado de segunda-feira (12), as unidades do Hemoes não funcionam, mas os voluntários podem doar até sábado (10), na unidade de Vitória, e até sexta-feira nos hemonúcleos regionais e na unidade de coleta da Serra. Além disso, podem deixar na agenda o compromisso da boa ação para as próximas semanas. Lembra da Renata, citada no início dessa matéria? Ela já fez a parte dela este mês. Doe sangue você também!

 

Quem pode doar
 

Para doar sangue é preciso ter de 16 a 69 anos de idade, sendo que a primeira doação deve ser feita obrigatoriamente até os 60 anos. Menores de 18 anos só podem doar com a autorização dos responsáveis.

 Caso o voluntário tenha almoçado, o procedimento deve ser feito após três horas. Doadores frequentes não podem deixar de obedecer ao intervalo para doação, que deve ser de dois em dois meses para homens e de três em três meses para mulheres.

 O interessado deve apresentar um documento original com foto, preencher um cadastro com informações básicas e responder a um questionário. Em seguida, passará por triagem para examinar sinais vitais como pressão, pulso e temperatura.

 

Onde doar sangue*:

 - Hemocentro do Estado do Espírito Santo (Hemoes)

Tel. 3636-7900/7920/7921- Avenida Marechal Campos, 1.468, Maruípe, Vitória. Funciona de segunda-feira a sábado, das 7h às 17h.

 - Unidade de Coleta à Distância da Serra

Tel. 3338-7880/3338-7373. Avenida Eudes Scherrer Souza, s/n (anexo ao Hospital Estadual Dório Silva). Funciona de segunda-feira a sexta-feira das 7h às 15h30.

 - Hemocentro de Linhares

Tel. (27) 3171-4361/4363/4362 - Avenida João Felipe Calmon, 1.305, Centro (ao lado do Hospital Rio Doce). Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30.

- Hemocentro Regional de Colatina

Tel. (27) 3177-7930 - Rua Cassiano Castelo, s/n, Centro. Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30.

- Hemocentro Regional de São Mateus

Tel. (27) 3767-4135 - Rodovia Otovarino Duarte Santos, Km 02, Parque Washington. Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30.


Fonte: Portal Governo do Estado do Espírito Santo

Da Redação Multimídia

Departamento de Jornalismo
(com informações: Portal Governo do Estado do Espírito Santo)
Kairós FM

 voltar  |  topo  |  imprimir

 
Ao vivo Boa Tarde kairós edição especial de Sábado com Rosy Oliveira das 14:00 às 17:00
  • 1 . Gusttavo Lima - Apelido Carinhoso
  • 2 . Jorge e Matheus - Contrato
  • 3 . Thiago Brava - Dona Maria
  • 4 . Thiaguinho - Só Vem
  • 5 . Matheus e Kauan - Tô Com Moral No Céu
 

De onde você ouve a rádio Kairós?

Resultado Parcial